UOL Notícias Notícias
 
06/03/2010 - 15h43

Apoio à candidatura da filha de Le Pen surpreende franceses

Marine Le Pen lidera Frente Nacional desde janeiro Uma pesquisa de opinião surpreendeu a França ao indicar que a líder da extrema-direita Marine Le Pen pode liderar o primeiro turno as próximas eleições presidenciais do país.

A pesquisa, do jornal Le Parisien, coloca Marine, líder da Frente Nacional - cargo antes ocupado por seu pai, Jean-Marie Le Pen - na frente de todos os demais candidatos no pleito previsto para o ano que vem.

O Le Parisien deu a Marine 23% das intenções de voto, dois pontos percentuais à frente do presidente Nicolas Sarkozy e da esquerdista Martine Aubry.

Mas alguns analistas questionaram a veracidade da pesquisa, realizada pela internet. Críticos dizem que esse tipo de pesquisa é bem menos confiável do que as feitas por telefone.

Além disso, ainda não está confirmado se a esquerdista Aubry será a candidata escolhida pelo Partido Socialista, o que também poderia interferir no resultado da pesquisa.

Ainda assim, o fato de Marine Le Pen aparecer tão bem colocada nas intenções de voto e à frente de Sarkozy é surpreendente, relata o correspondente da BBC em Paris, Hugh Schofield.

Marine, 42, lidera a Frente Nacional desde janeiro e aparece como sucessora de seu pai. Seu trunfo é contar com apoio dentro da classe média francesa.

Jean-Marie Le Pen disputou (e perdeu) o segundo turno das eleições de 2002 com Jacques Chirac, mas nunca teve apoio semelhante ao que está sendo recebido por sua filha, segundo Schofield.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host