UOL Notícias Notícias
 
09/08/2010 - 08h53

Transexual chinês luta na Justiça por direito de casar com namorado

Anne-Marie Evans
Da BBC News
Em Hong Kong

Um chinês que se submeteu a uma cirurgia de mudança de sexo afirmou que vai brigar na Justiça de Hong Kong pelo direito de se casar com o namorado, em um caso considerado um marco jurídico.

A transexual, cuja identidade não foi revelada, teve o casamento proibido pelas autoridades de Hong Kong.

Identificada apenas como W, ela tem cerca de 20 anos de idade e passou pela cirurgia há alguns anos.

O governo alega que W não pode se casar com o namorado, por que isso seria o equivalente a um casamento entre pessoas do mesmo sexo, o que é ilegal em Hong Kong.

A chinesa está levando o caso à Suprema Corte.

Questão legal
Segundo especialistas, o caso pode revelar contradições no sistema de administração local de Hong Kong.

Embora a carteira de identidade de W no território chinês determine seu sexo como feminino - e apesar de ela ter recebido ajuda oficial para a cirurgia - W ainda aparece como homem em sua certidão de nascimento.

O documento não pode ser alterado sob a lei de Hong Kong.

O advogado da transexual, Mike Vidler, disse a repórteres que apesar de o território ter um sistema que apoia pessoas que optam pela cirurgia de mudança de sexo, está proibindo que W tenha os mesmos direitos de outras mulheres.

De acordo com o jornal South China Morning Post, de Hong Kong, o governo convocou um advogado de Londres para o caso, por considerar que não há conhecimento legal suficiente sobre a questão em Hong Kong.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h19

    -0,09
    3,170
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h20

    0,50
    68.697,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host