UOL Notícias Notícias
 
17/08/2010 - 05h07

Atleta preso por dirigir bêbado diz que queria salvar seu gato

Um jogador da seleção inglesa de críquete preso por dirigir bêbado disse na segunda-feira, durante o julgamento, que só pegou o carro porque estava querendo salvar seu gato em uma emergência.

Graeme Swann declarou-se inocente da acusação de dirigir bêbado, alegando que precisou sair de casa para comprar uma chave de fenda, para conseguir soltar seu gato, que ficou preso em uma das tábuas do piso da sua casa.

O incidente aconteceu na cidade de West Bridgford, na região central da Inglaterra.

O esportista foi parado pela polícia enquanto dirigia seu Porsche Cayenne. Um teste de sangue revelou que ele tinha 83 miligramas de álcool para cada 100 mililitros de sangue. O limite legal é 80 miligramas.

Julgamento adiado Os policiais só pararam Swann porque viram o carro luxuoso sendo dirigido na região onde alguns ladrões estavam atuando.

Swann chegou a tentar fugir quando viu a polícia, mas parou seu Porsche na estrada e saiu do veículo mostrando as chaves de fenda e dizendo: "Não é o que vocês estão pensando".

O atleta alegou que antes do incidente havia saído para comemorar seu aniversário com a mulher. Como eles haviam bebido, o casal pegou um táxi para ir para casa.

No entanto, ao chegar em casa e descobrir o gato preso sob o piso, Swann decidiu pegar o carro para poder salvá-lo mais rapidamente.

A policial que fez a prisão disse que o atleta parecia estar bêbado, pois estava com os olhos vermelhos, falava com a língua enrolada e tinha um forte cheiro de bebida. Ela disse que o próprio Swann admitiu que não deveria estar dirigindo.

O julgamento foi interrompido na segunda-feira e só deve ser retomado em outubro, devido aos compromissos esportivos de Graeme Swann, que é jogador do Nottinghamshire.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,38
    3,156
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    0,41
    65.277,38
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host