Topo

CarnaUOL

São Paulo


Quem é a menina de 6 anos que fez todo mundo se empolgar com o Carnaval

Renata Nogueira

Do UOL, em São Paulo

01/03/2019 15h30

Alceu Valença se emocionou, Maisa tuítou e Camila Pitanga "sextou" com ela. Stella Valentina já é uma das estrelas improváveis deste Carnaval. A menina de 6 anos chamou a atenção na semana passada quando foi chamada para subir no bloco Bicho Maluco Beleza, de Alceu Valença, em São Paulo. Além do vídeo em que ela canta "La Belle de Jour" ao lado do compositor em cima do trio, um registro da menina no ombro do pai empolgada com "Anunciação" viralizou.

A paixão por Alceu Valença é antiga, conta Fernanda Uberlan Garcia, mãe da pequena Stella, em entrevista ao UOL. Fã de música popular brasileira desde quando nem sabia falar, a menina viu o pernambucano de perto pela primeira vez em um show dele na zona leste de São Paulo - onde vive com a família - há cerca de três anos. Em 2016, quando tinha 4 anos, Stella Valentina visitou Olinda e pode conhecer a famosa casa do artista, aumentando ainda mais sua admiração. Neste ano a família aproveitou o clima favorável e a levou para curtir o bloco, o que rendeu a participação especial e uma foto com o ídolo.

"Não é de agora. Desde os 2 anos de idade ela já gostava e chamava o Alceu de 'senhor Valença'", relembra a mãe de Stella. Essa foi a primeira vez que a família resolveu enfrentar a multidão para ver o artista um pouco mais de perto. Isso porque a menina teve que passar por uma cirurgia aos 6 meses de idade para corrigir um rim obstruído, enquanto o outro acabou atrofiado. Por isso, segue uma dieta que inspira cuidados. "A Stella é uma criança renal crônica, então a gente tem um certo cuidado com ela. A gente até foi com ela no bloco no carrinho, em 2017, mas não na multidão."

A família então chegou cedo ao Carnaval de rua de São Paulo e conseguiu acompanhar com certa tranquilidade o bloco de Elba Ramalho. Ao final do desfile da conterrânea do pai de Stella, os três seguiram para o bloco de Alceu e conseguiram ficar em uma área mais segura, perto da corda, onde o vídeo da menina empolgada foi capturado. Fernanda não sabe quem fez o registro da filha, mas, pelo ângulo, acredita que foi alguém da equipe do próprio cantor.

Festeira

Stella Valentina e Alceu Valença no Carnaval de São Paulo - Fernanda Uberlan Garcia/Arquivo pessoal
Stella Valentina e Alceu Valença no Carnaval de São Paulo
Imagem: Fernanda Uberlan Garcia/Arquivo pessoal

O convite para Stella subir e cantar com Alceu partiu da mulher do cantor, Yanê Montenegro, que observava a empolgação da menina do alto do trio. "O Carnaval foi a cereja do bolo. Ela é muito festeira. Ela adora o Ilê Ayê. Fomos no show no auditório do Ibirapuera e a Iracema chamou ela no palco para dançar. Então ela gosta do Carnaval, mas não tem tanta intimidade de ir pra rua. Ela gosta de Margareth Menezes, Nação Zumbi... Ela é pluricultural, gosta de vários ritmos e preserva essa coisa da regionalidade", conta a mãe da foliã.

Stella Valentina também é youtuber, e mantém um canal na plataforma de vídeos onde mostra um pouco mais de sua paixão por música, literatura e outras artes. Lá, Stella já registrou shows de Maragareth Menezes, Nação Zumbi e até fez um cover de Amy Winehouse. A mascote do Carnaval também já soma 20 mil seguidores no Instagram em uma conta monitorada pelos pais.

Tanta alegria tem um pouco de influência de suas raízes, acredita a mãe, que nasceu em São Paulo, mas tem família pernambucana. "O Nordeste está na gente. É uma contribuição minha e do meu marido. Ela nasceu em São Paulo, mas já conheceu o Rio Grande do Norte, Recife, Olinda e Paraíba", explica.

Para o futuro, a família tem planos de levar a filha a Salvador e ao Carnaval de Recife, a pedido da própria. "Ela fala para a gente que quer conhecer o Curuzu, que é o centro do Ilê Aiyê, o Galo da Madrugada. Ela pede, mas somos assalariados e nem sempre conseguimos viajar na época do Carnaval."

Mais São Paulo