El Niño começa a enfraquecer

Genebra, 18 Fev 2016 (AFP) - O fenômeno meteorológico El Niño 2015-2016 iniciou seu declive, mas sua intensidade continua sendo forte e influencia no clima do planeta, afirmou a Organização Meteorológica Mundial (OMM).

Este fenÔmeno, que acontece a cada quatro ou cinco anos e provoca tempestades e inundações, deve sofrer uma debilitação nos próximos meses e desaparecer progressivamente no segundo trimestre de 2016, segundo a fonte.

"Acabamos de viver um dos episódios do El Niño mais intensos jamais observados, e que provocou a aparição de fenômenos meteorológicos extremos em todos os continentes, contribuindo para os recordes de calor registrados em 2015", indica o secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, em um comunicado publicado nesta quinta-feira.

"Várias regiões da América do Sul e do Leste da África ainda não estão totalmente recuperadas das chuvas torrenciais e das inundações de que padeceram", acrescentou.

Este fenômeno meteorológico alcança geralmente sua maior intensidade no fim do ano, daí a origem de seu nome, El Niño, alusão em espanhol ao Menino Jesus.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos