Lockheed Martin desenvolverá avião supersônico silencioso

Washington, 1 Mar 2016 (AFP) - O grupo aeroespacial americano Lockheed Martin fechou um contrato com a Nasa para desenvolver um avião de passageiros supersônico silencioso e econômico, anunciou a agência espacial nesta segunda-feira.

Para os estudos preliminares do projeto, a Lockheed Martin receberá cerca de 20 milhões de dólares em 17 meses.

O contrato é "um primeiro passo para um possível retorno dos aviões de passageiros supersônicos, agora mais silenciosos e econômicos", destacou a Nasa, em referência ao Concorde, o aparelho franco-britânico que era muito barulhento e caro.

O último voo do Concorde ocorreu em 2003.

"A Nasa trabalha duro para desenvolver aviões de transporte mais ecológicos, seguros e silenciosos, também capazes de voar mais rápido", declarou o diretor da agência, Charles Bolden, ao revelar o projeto no Aeroporto Ronald Reagan de Washington.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos