Adrian é a primeira tempestade tropical do Pacífico oriental em 2017

Miami, 10 Mai 2017 (AFP) - A primeira tempestade de 2017 no Pacífico oriental, batizada Adrian, bateu um recorde ao se formar inusualmente cedo nesta quarta-feira diante das costas do México, antes da temporada de furacões, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC).

Ao se formar dias antes do início da temporada de furacões, Adrian se tornou o ciclone tropical a se desenvolver mais cedo desde que se têm registros de satélite, disse à AFP Dennis Feltgen, porta-voz da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA).

O recorde anterior pertencia ao furacão Alma, de 1990.

O olho de Adrian se situa 690 km ao sudeste da cidade portuária de Salina Cruz em Oaxaca, sul do México, mas as costas não correm perigo.

"Adrian se move em direção ao noroeste a cerca de sete quilômetros por hora, e se espera que vire gradualmente para o oeste-noroeste na quinta-feira", escreveu o NHC em um comunicado.

A tempestade tem ventos máximos sustentados de 65 km/h que se estendem por até 110 km a partir do seu centro.

O NHC não emitiu nenhuma advertência para as costas do México nem da América Central.

A temporada de furacões do Pacífico vai de 15 de maio a 30 de novembro, enquanto a do Atlântico começa um pouco mais tarde, em 1 de junho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos