Com pinta de missão impossível, astronautas instalam 'novos olhos' na ISS

Em Miami

  • Nasa/AP

    Também foram feitos reparos no braço robótico da Estação Espacial Internacional

    Também foram feitos reparos no braço robótico da Estação Espacial Internacional

Dois astronautas americanos equiparam, nesta terça-feira, a Estação Espacial Internacional (ISS) com "novos olhos", em forma de câmera de alta definição, e continuaram as reparações indispensáveis no braço robótico, indicou a Nasa.

A câmera substituída pelo comandante da expedição 53, Randy Bresnik, e pelo engenheiro de voo, Mark Vande Hei, tinha envelhecido e estava dando um tom rosado às imagens, indicou a agência espacial americana, que mostrou imagens em alta definição do novo equipamento. 

A outra câmera será trocada durante o próximo passeio espacial, previsto para 18 de outubro.  


Os especialistas também trocaram e lubrificaram uma das duas "mãos" de um dos braços de 18 metros da estação, fabricado no Canadá e chamado Canadarm2.

Este braço, instalado há 16 anos, se danificou recentemente e parou de "agarrar" corretamente. Os astronautas precisam que funcione bem para que possa "capturar" as naves de carga que abastecem regularmente a estação orbital. A próxima chegada está prevista para novembro.

O segundo passeio espacial dos astronautas em uma semana começou oficialmente quando eles conectaram seus trajes espaciais às baterias, às 11H56 GMT (08h56 de Brasília), antes de sair ao espaço, e durou seis horas e 26 minutos, informou a Nasa.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos