Topo

Trump quer 'força espacial' dos EUA

13/03/2018 22h19

Washington, 14 Mar 2018 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, defendeu nesta terça-feira a criação de uma nova "força espacial", que se somará às forças aéreas, navais e terrestres do Pentágono.

Trump disse às tropas na Estação Aérea do Corpo dos Fuzileiros em Miramar, na região de San Diego, que o novo grupo "espacial" poderia reduzir o "tremendo volume" de trabalho que os militares e o governo estão fazendo na defesa do espaço.

"Minha nova estratégia nacional para o espaço reconhece que este é um domínio de guerra, como a terra, o ar e o mar", declarou Trump. "Inclusive poderíamos ter uma força espacial... Temos uma força aérea, e teríamos a força espacial, com o Exército e a Marinha...".

Alguns legisladores promoveram, no ano passado, um projeto de lei no Congresso prevendo verbas para a criação do chamado Corpo Espacial, mas a ideia encontrou resistência entre os próprios militares.

"Em um momento em que estamos tratando de integrar as funções conjuntas de combate do departamento, não desejo agregar um outro serviço que, provavelmente, trará um enfoque mais estreito e até provinciano das operações espaciais", escreveu na ocasião o secretário da Defesa, Jim Mattis, ao congressista Michael Turner.

A ideia foi finalmente descartada do projeto de lei de financiamento da Defesa, no final do ano passado, mas ainda tem algum apoio no Congresso, onde seus defensores dizem que os Estados Unidos apresentam importantes debilidades estratégicas na guerra espacial diante de Rússia e China.