Topo

Milionário americano anuncia que irá financiar missão tripulada a Marte

Dennis Tito, um milionário americano, procura um casal de meia idade para o seu novo projeto espacial: uma viagem de 500 para Marte, que deve ocorrer em 2018 - Nasa/JPL/Malin Space Science Systems
Dennis Tito, um milionário americano, procura um casal de meia idade para o seu novo projeto espacial: uma viagem de 500 para Marte, que deve ocorrer em 2018 Imagem: Nasa/JPL/Malin Space Science Systems

28/02/2013 09h42

O milionário americano Dennis Tito, que foi o primeiro turista espacial, anunciou seus planos de financiar uma missão tripulada a Marte em janeiro de 2018.

Ele justificou a data dizendo que esse será o ano em que o planeta estará mais perto da Terra. Ainda assim, a viagem vai durar cerca de 500 dias.

A missão, no entanto, não vai pousar em Marte, mas, sim, voar a cerca de 100 milhas (cerca de 160 quilômetros) do planeta. Tito destacou ainda como a tripulação pode sofrer pressões físicas e psicológicas.

Casal de meia-idade

Por conta disso, ele afirmou estar procurando por um casal de meia-idade, capaz de oferecer apoio emocional um ao outro, especialmente em momentos em que eles possam se sentir os seres humanos mais solitários do universo.

Eles terão um estoque limitado de comida e água: a urina, por exemplo, será reciclada e transformada em água potável.

O plano de escolher um casal de meia-idade tem relação também com a saúde e a fertilidade deles, que pode ser afetada em longas missões. E esse não seria um problema tão grave para um casal que já tenha filhos.

Há 12 anos, Tito gastou US$ 12 milhões (cerca de R$ 23,61 milhões) para se tornar o primeiro turista espacial do mundo. Ele viajou à Estação Espacial Internacional a bordo de uma nave russa.

Mais Notícias