Agência Espacial Russa adia para 2020 a segunda fase da ExoMars

Moscou, 2 mai (EFE).- A Agência Espacial Russa (Roscomos) anunciou nesta segunda-feira o adiamento, até 2020, da segunda missão ExoMars, um projeto elaborado de forma conjunta com a Agência Espacial Europeia para buscar evidências de vida em Marte.

A missão, prevista inicialmente para 2018, foi adiada devido a atrasos na indústria espacial europeia e russa, assim como no fornecimento mútuo de cientistas, afirmou a Roscomos.

A Roscomos, que ressaltou que tentará uma decisão conjunta com a ESA sobre o projeto, indicou que, com as atuais condições, o adiamento é uma "solução ótima".

A missão russo-europeia ExoMars decolou no último dia 14 de março a partir da base de Baikonur, no Cazaquistão, e deve chegar a Marte em outubro, quando a capsula espacial se dividirá em duas partes.

O satélite Trace Gas Orbiter (TGO) se dedicará a estudar os gases da atmosfera marciana, enquanto o módulo Schiaparelli aterrissará na superfície do planeta para validar a tecnologia de pouso já visando a segunda parte do programa.

A ExoMars 2020 prevê enviar a Marte um veículo com capacidade de escavar dois metros de profundidade no solo, algo até então inédito. EFE

bsi/lvl

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos