Cerca de 300 voos são cancelados nas Filipinas devido a tufão Nock-Ten

Bangcoc, 26 dez (EFE).- Cerca de 300 voos domésticos e internacionais foram cancelados por causa do tufão Nock-Ten que castiga nesta segunda-feira as Filipinas com ventos constantes de 130 km/h e sequências de até 215 km/h, informaram as autoridades locais.

O aeroporto Ninoy Aquino de Manila, o maior e com mais tráfego do país, é o mais afetado pelos cancelamentos, pelo fato de que as autoridades suspenderam todas as aterrissagens e decolagens devido a ventos superiores a 50 nós (93 km/h).

Segundo dados apresentados aos veículos de imprensa pela Aviação Civil, pelo menos 60 mil pessoas foram afetadas pelo cancelamento e atraso das operações aeroportuárias.

O tufão, que tocou terra no domingo no leste da região central do país, também afetou o transporte marítimo ao deixar cerca de 12 mil passageiros parados em terra, segundo o comunicado emitido esta manhã pelo departamento de emergência.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos