Incêndio gera milhares de deslocamentos na Califórnia

Los Angeles, 5 dez (EFE).- O incêndio iniciado na noite de segunda-feira a cem quilômetros de Los Angeles se movimenta "fora de controle", deixando mais de 182 quilômetros quadrados arrasados pelas chamas, 150 edifícios destruídos e provocando o deslocamento obrigatório de 27 mil pessoas.

Segundo informou o Corpo de Bombeiros do Condado de Ventura, na Califórnia, uma pessoa que fugia das chamas em seu veículo se acidentou e morreu, embora as autoridades tenham indicado que esta morte ainda não está confirmada.

Além disso, um dos mais de 1.100 bombeiros que combatem as chamas ficou ferido no incêndio, que obrigou o fechamento de escolas, uma universidade e várias estradas.

O fogo se desloca imparável com a contribuição dos ventos fortes e secos, que devem continuar nos próximos três dias, e já destruiu um edifício residencial e um hospital psiquiátrico.

Os ventos impedem que os veículos aéreos trabalhem, mas os bombeiros acreditam que a situação ficará mais calma nas próximas horas, quando aviões e helicópteros poderão sobrevoar a área para combater o incêndio.

"Esperamos um comportamento errático dos ventos e do fogo ao longo do dia", anunciou o Corpo de Bombeiros de Ventura.

Das mais de 260 mil residências que ficaram sem eletricidade na noite de ontem, cerca de 20 mil ainda não tinham recuperado o serviço nesta terça-feira.

"O aumento do incêndio foi absolutamente exponencial", declarou na entrevista coletiva o chefe dos bombeiros do condado de Ventura, Mark Lorenzen.

Os fortes ventos, próprios desta temporada do ano, estão obrigando os bombeiros a agir com pressa para "evacuar as pessoas e proteger as estruturas", explicou Lorenzen.

O escritório do xerife do condado de Ventura reconheceu que a força das chamas limitou as operações de controle do incêndio.

"Devido à intensidade do fogo, os profissionais tiveram dificuldades para chegar às áreas afetadas e, portanto, há múltiplas estruturas incendiadas", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos