Corpos de 36 vítimas de incêncio em shopping nas Filipinas são encontrados

Bangcoc, 25 dez (EFE).- As equipes de resgate recuperaram nesta segunda-feira os corpos de 36 das 37 pessoas dadas como mortas após ficarem presas em um incêndio no sábado em um shopping da cidade de Davao, situada 954 quilômetros ao sudeste de Manila, na ilha de Mindanao.

A prefeita de Davao, Sara Duterte, confirmou à imprensa a localização dos 36 corpos e que tinha comunicado aos familiares das vítimas, após a realização de uma missa em frente ao shopping New City Commercial Center (NCCC), segundo a rede de televisão "GMA".

O incêndio foi declarado no sábado de manhã no terceiro andar do NCCC, onde havia lojas de roupas e móveis, e as chamas continuavam ativas nas primeiras horas de domingo.

As autoridades deram como desaparecidas 37 pessoas, todas elas funcionários do centro de atendimento ao cliente Research Now SSI, que funcionava 24 horas por dia no último andar do edifício.

No domingo, as autoridades deram como mortos os desaparecidos, depois que o Escritório de Proteção de Incêndios indicou à Prefeitura que não havia nenhuma possibilidade de encontrá-los com vida.

No mesmo dia, o diretor-executivo do Research Now SSI, Gary S. Laben, confirmou em um comunicado que todos os desaparecidos eram funcionários da companhia e ofereceu suas condolências aos familiares.

O ministro do Trabalho das Filipinas, Silvestre Bello, disse que esperava o resultado da investigação sobre a origem do incêndio para apontar as responsabilidades caso o shopping tivesse violado as regras de segurança.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos