Primeira tempestade da temporada de furacões se forma no Atlântico

Miami, 25 mai (EFE).- A tempestade subtropical Alberto, a primeira da temporada de furacões no Oceano Atlântico, se formou nesta sexta-feira a noroeste do Caribe e espera-se que traga "fortes chuvas" neste fim de semana à Península de Iucatã, no México; ao estado americano da Flórida e Cuba, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos.

Alberto, que se formou uma semana antes do início oficial da temporada de ciclones no Atlântico, está 90 quilômetros ao sul de Cozumel (México) e 315 quilômetros a sudoeste do extremo ocidental de Cuba.

O fenômeno meteorológico traz ventos máximos constantes de 65 km/h e se desloca em direção norte-nordeste com uma velocidade de translação de 9 km/h.

O governo do México emitiu um alerta de vigilância por tempestade tropical (passagem do sistema em 24 horas) para o leste de Iucatã, assim como Cuba, que o fez para a província de Pinar del Río.

De acordo com o padrão de trajetória, espera-se que Alberto "passe perto da costa leste de Iucatã esta noite, se aproxime da ponta oeste de Cuba na manhã de sábado e, no mesmo dia, emerja sobre o sudeste do Golfo do México", previram os especialistas do NHC.

A Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera dos EUA (NOAA, na sigla em inglês) previu nesta quinta-feira que a temporada de furacões no Atlântico, que começa oficialmente em 1º de junho, terá entre cinco e nove furacões, dos quais entre até quatro podem ser de grande categoria.

As previsões da agência americana em relação à temporada na bacia do Atlântico, que afeta durante seis meses EUA, Caribe e México, também indicam a formação de entre 10 e 16 tempestades tropicais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos