Astrônomos identificam mais de 100 planetas que poderiam ter luas habitáveis

Em Washington

  • Divulgação /Nasa

    Uma das luas de Saturno, Dione tem oceano sob camada de gelo com chance de abrigar vida

    Uma das luas de Saturno, Dione tem oceano sob camada de gelo com chance de abrigar vida

Astrônomos dos Estados Unidos e Austrália identificaram 121 planetas fora do sistema solar, nos quais acreditam que podem existir luas habitáveis, segundo um artigo publicado na quinta-feira na revista "The Astrophysical Journal".

Os astrônomos, da Universidade da Califórnia, em Riverside (EUA) e da Universidade de Queensland (Austrália) usaram dados compilados pelo satélite Kepler da NASA desde 2009 para seu estudo.

Os pesquisadores identificaram 121 exoplanetas que têm órbitas dentro das zonas habitáveis de suas estrelas, o que significa que eles não são nem muito quente, nem muito frios para que exista água líquida e potencialmente vida.

Nestas órbitas, os astrônomos consideram que existem condições para que potenciais luas - cuja existência ainda não foi confirmada - forneçam um ambiente favorável à vida.

A pesquisa irá guiar o projeto de futuros telescópios, a fim de detectar essas luas e procurar sinais de vida.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos