Incêndio na Califórnia se propaga rapidamente e já deixa 20.000 evacuados

San Francisco (EUA), 8 nov (EFE).- O incêndio deflagrado na manhã desta quinta-feira no norte da Califórnia, nos Estados Unidos, se propagou em grande velocidade ao longo do dia, passando de 2.000 hectares afetados a mais de 7.000 em apenas seis horas, e forçou a evacuação de 20.000 pessoas, segundo as autoridades do estado.

De acordo com o Departamento Florestal e de Proteção contra Incêndios da Califórnia (Calfire), estão ativas ordens de evacuação nos pequenos povoados de Pulga e Concow, no condado de Butte, além de na cidade de Paradise, de 26.000 habitantes, e nas zonas rurais de Butte Creek Canyon e Butte Valley.

Trata-se de uma área a 140 quilômetros de distância da capital do estado, Sacramento, e a 280 quilômetros da área da baía de San Francisco, até onde chega a fumaça do fogo, segundo pôde comprovar a Agência Efe.

A polícia local informou que alguns de seus agentes, assim como vários residentes, estão presos na área da conflagração à espera de poderem ser resgatados pelos serviços de emergência.

Vários edifícios arderam e algumas pessoas sofreram queimaduras graves, mas por enquanto não há relatos de nenhuma vítima mortal.

O vereador da câmara municipal de Paradise, Scott Lotter, que deixou a cidade junto com sua família, declarou ao jornal "The Sacramento Bee" que "a cidade inteira está em chamas" e descreveu um cenário de "horror e caos" em que as estradas se encontram colapsadas pelo tráfego e os carros abandonados.

O incêndio, batizado de "Camp Fire", começou na primeira hora desta manhã e se propagou rapidamente por um terreno muito seco e com a ajuda dos fortes ventos de até 80 quilômetros por hora que sopram hoje nessa região.

Por sua parte, a maior companhia provedora de gás e eletricidade da Califórnia, a PG&E, informou do corte do fornecimento a 14.000 residentes nos condados de Butte e Plumas a pedido dos bombeiros para garantir a segurança.

Os incêndios de grandes proporções na Califórnia são cada vez mais frequentes e violentos, como demonstra o fato de que, de acordo com os registros oficiais que remontam até 1932, quatro dos cinco mais destrutivos da história do estado ocorreram nos últimos seis anos.

No último mês de setembro, os bombeiros deram por controlado o incêndio Mendocino Complex, ativo desde julho e considerado o maior dos já documentados na história da Califórnia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos