Grande quantidade de auroras boreais é observada na Europa

  • Scott Kelly/Nasa

    A bordo da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), o astronauta americano Scott Kelly registrou esta aurora boreal no dia 22 de junho. A imagem foi divulgada na terça-feira (23) pela Nasa (agência espacial norte-americana)

    A bordo da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), o astronauta americano Scott Kelly registrou esta aurora boreal no dia 22 de junho. A imagem foi divulgada na terça-feira (23) pela Nasa (agência espacial norte-americana)

Auroras boreais particularmente importantes são atualmente observáveis no planeta devido à atividade solar, afirmou nesta quarta-feira à AFP o cientista planetário francês Jean Lilensten.

Elas puderam ser observadas especialmente na região francesa da Normandia na noite de terça para quarta-feira e novamente na noite desta quarta para quinta-feira, disse o astrônomo do Instituto de Planetologia e Astrofísica de Grenoble (IPAG).

As auroras boreais são formadas ao longo dos polos magnéticos onde os ventos solares colidem com a atmosfera da Terra.

Elas ocorrem em uma coroa normalmente centrada acima da Lapônia, no que diz respeito à Europa.

"Mas como nos últimos dias tem havido grande quantidade de vento solar, esta coroa tem se expandido para o sul e veio para a Inglaterra" no que diz respeito à Europa, ressaltou Lilensten.

Foi o que levou a ver a aurora boreal no céu da Normandia na madrugada passada.

Acontece o mesmo com o polo magnético sul, afirmou Lilensten, diretor de pesquisa do CNRS (Centro Nacional de Pesquisa Científica) e especialista no fenômeno.

Meteorologistas no Observatório Bruxelas tinham alertado que por causa de grandes ejeções de matéria do sol nos últimos dias, a velocidade do vento solar tinha aumentado significativamente e que a coroa havia descido mais baixo, disse.

Vistas a partir da Terra, auroras aparecem como grandes manchas ou faixas de luz, geralmente vermelho ou verde.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos