Do tamanho da Jamaica: conheça alguns dos maiores icebergs da história

Do UOL*, em São Paulo

Nesta semana um iceberg de 6 mil km², tamanho equivalente ao do Distrito Federal, desprendeu-se do continente antártico após um processo de quebra. Após a detecção de sua separação em imagens de satélite, o bloco de gelo de cerca de 1 trilhão de toneladas ganhou o nome de A68.

O National Ice Center anunciou nessa quinta (13) que o iceberg deve se mover em direção ao nordeste da península Antártica pelos próximos meses e seus movimentos serão monitorados pelos pesquisadores.

O A68 chamou atenção do mundo pelo seu tamanho, mas não é o maior bloco de gelo a se separar do continente gelado. Um bloco do tamanho da Jamaica se desprendeu da Antártida há 17 anos.

Conheça alguns dos maiores icebergs do mundo

Earth Observatory/Nasa
Em 2000, imagens de satélite mostraram o iceberg B-15, com área de 11 mil km²
Em março de 2000, um iceberg de 11 mil quilômetros quadrados se soltou da plataforma de gelo Ross.

A área do gigante B15 é equivalente ao território da Jamaica, ilha no mar caribenho.

Ao longo dos anos, o imenso bloco de gelo foi se quebrando em partes menores. Segundo a BBC, em 2006 alguns de seus fragmentos passaram próximo à Nova Zelândia. 

Como as placas de gelo já flutuam em águas abertas, os icebergs que elas produzem não afetam os níveis dos oceanos globais.

Em 2015, o maior fragmento remanescente desse gigante, chamado de B15T, tinha 676 km² e ainda estava na região antártica.

Nasa
Após 15 anos da separação do B15, ainda flutuava pela Antártida fragmentos do gigante

Em 1986

Assim como o A68, outro gigante de gelo já se descolou da plataforma Larsen C, uma camada de gelo que cobre o Mar de Weddell e que tem uma espessura que varia entre 200 metros e 600 metros.

Em 1986, um bloco de gelo de 9 mil quilômetros quadrados partiu da plataforma. O destino também foi a quebra em partes menores, que chegaram até a costa de Geórgia do Sul, segundo a Nasa. 

Earth Observatory/Nasa
Em amarelo, área de iceberg de 9 mil km² que se desprendeu da plataforma Larsen-C em 1986

Um ano mais tarde, o iceberg B9 desprendeu-se da plataforma de gelo Ross.

O bloco tinha 154 quilômetros de comprimento por 35 quilômetros de largura, totalizando uma área de 5.390 km².

Após anos flutuando ao leste da Antártida, em 2010, uma de suas partes, o B-9B tinha ainda área de 3,6 mil km².

Nasa
Imagem do iceberg B-9B, na Antártida, feita em 2010

O maior de todos seria anterior aos satélites

De acordo com uma reportagem da BBC, haveria registros feitos pela Marinha dos Estados Unidos de um iceberg maior do que todos esses em um período em que ainda não havia imagens de satélite. 

O gigante teria cerca de 32 mil km², maior do que o território da Bélgica, e teria se soltado em 1956. 

* Com informações da Bloomberg

Como acontecem o derretimento das geleiras e icebergs

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos