Parece, mas não é: meteorologista explica o que é esse disco voador no céu

Do UOL, em São Paulo

UFO's over Cape Town #lenticularclouds #Capetown #ishootwithorms #tablemountain #WeHeartMountains

Uma publicação compartilhada por Kyle Mijlof (@mijlof) em

É formada por esferas assimétricas, se movimenta no fluxo das correntezas do vento e pode ser vista no céu. Sabe do que estamos falando? Se você imaginou um OVNI (objeto voador não identificado) não seria o único. Trata-se de uma nuvem chamada de lenticular, com formato semelhante ao de uma lente, que é muito confundida com discos voadores.

Como explica o professor de meteorologia da USP (Universidade de São Paulo) Mario Festa, o fenômeno é formado a partir de fortes correntezas de vento no céu. "Ventanias que chegam geralmente a 50 km/hora ou até mais", afirma ele, que relata uma frequência maior desses tipos de nuvens no topo de montanhas e, não necessariamente são anúncio de chuva.  

"Isso porque o ar quente sobe pela encosta do morro e forma a condensação logo acima do seu topo e os ventos ascendentes acabam se condensando na parte mais fria", descreve o especialista. As lenticulares se formam próximo da crista de cada onda de vento, o que possibilita a formação simultânea de várias nuvens do tipo.  

Brad Greenlee_Flickr

É o vento também o responsável pela movimentação das nuvens, como acrescenta Festa. "O que acaba levando vários leigos a confundirem com objetos não identificados. Mas, não se preocupe, é apenas uma nuvem."

Mesmo sem ser tão frequente, Festa diz que o fenômeno não é considerado raro. A região da Antártida, conhecida como a pousada dos ventos, é a que mais tem esse tipo de nuvem.

"O Brasil não é o lugar mais propício para a sua formação, já que não temos montanhas tão altas, nem mesmo ventos muito significativos. Mas é possível sim encontrar as lenticulares por aqui", afirma ele, que já presenciou o fenômeno algumas vezes ao longo de sua carreira, inclusive em São Paulo. 

O fenômeno, segundo ele, é aleatório e espontâneo. "Não tem estação ou época do ano certa. É preciso contar com a sorte e com o vento para conseguir ver uma nuvem lenticular."  Veja algumas fotos:

Ruben Garcia Jr./Flickr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos