PUBLICIDADE
Topo

Chico Alves

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Na campanha das toalhas, Cabral, Putin e Jorge Jesus são 'presidenciáveis'

Toalhas com as fotos de Sergio Cabral, Jorge Jesus e Vladimir Putin - Nelson Vasconcelos
Toalhas com as fotos de Sergio Cabral, Jorge Jesus e Vladimir Putin Imagem: Nelson Vasconcelos
Chico Alves

Chico Alves é jornalista, por duas vezes ganhou o Prêmio Embratel de Jornalismo e foi menção honrosa no Prêmio Vladimir Herzog. Foi editor-assistente na revista ISTOÉ e editor-chefe do jornal O DIA. É co-autor do livro 'Paraíso Armado', sobre a crise na Segurança Pública no Rio, em parceria com Aziz Filho.

Colunista do UOL

02/07/2022 04h00

Desde que apoiadores da pré-candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva começaram a aparecer em espetáculos musicais com toalhas estampadas com o rosto do petista que começou uma disputa de presidenciáveis. Em várias cidades, ambulantes passaram a vender toalhas com as figuras de Lula e de Jair Bolsonaro.

Em um ponto da zona Sul do Rio de Janeiro, no entanto, essa disputa virou piada. No Largo do Machado, figuras improváveis tiveram seus rostos estampados nessas peças de algodão, como se estivessem em uma campanha fictícia ao Palácio do Planalto.

Um dos ambulantes vende toalhas com estampas e dizeres "Brasil feliz de novo - Sérgio Cabral presidente"; em outra há a imagem de Vladimir Putin com a frase "Presidente 2022 - O Brasil sem guerra" e mais uma com a foto do técnico Jorge Jesus à frente da bandeira do Flamengo com a mensagem "Presidente 2022 - Pra salvar a nação".

A primeira dessas peças bem-humoradas a ser vendida foi a que tem o rosto do ex-governador fluminense, atualmente preso, condenado a penas que somam mais de 425 anos por corrupção. A ideia foi do camelô Jeferson Ferreira, que começou a expor o produto para atrair compradores para seu ponto de venda.

"Coloquei isso aqui para chamar atenção", diz Jeferson.

Agora, os ambulantes do Largo do Machado têm os novos 'presidenciáveis' Vladimir Putin e Jorge Jesus. Quem quiser comprar as três toalhas dessas campanhas fictícias vai gastar R$ 100 na promoção.