PUBLICIDADE
Topo

Madeleine Lacsko

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Promessa vazia de Lula não deveria ter lugar em campanha eleitoral

só para assinantes
Madeleine Lacsko

Madeleine Lacsko é jornalista desde 1996. Participa dos think tanks Instituto Montese pela defesa da democracia e Sociedades Digitais e Relações de Poder, da GoNew.Co. Atuou como Consultora Internacional do Unicef Angola na campanha que erradicou a pólio no país, diretora de comunicação da Change.org para a América Latina, assessora no Supremo Tribunal Federal e do presidente da Comissão de Direitos Humanos da Alesp. Trabalhou na Jovem Pan, Antagonista, CCR e Gazeta do Povo.

Colunista do UOL

03/08/2022 19h30

Na Live UOL desta quarta-feira (03), falei sobre o vídeo, divulgado pela campanha de Luiz Inácio Lula da Silva, no qual o candidato do PT (não) fala sobre suas propostas de governo.

De forma genérica e sem detalhar nenhum projeto, Lula diz que deseja fazer o melhor mandato da vida. "Quero trabalhar em 4 anos por 40. Esperem para ver o que nós vamos fazer neste país para retomar o crescimento, gerar indústria nova, gerar emprego, aumento de salário, melhorar a Educação e a Saúde."

Lula também diz que pretende fazer com que o povo volte a ter orgulho de ser brasileiro. "Quando vocês viajarem vão poder mostrar o passaporte de vocês com muito orgulho e ouvir bem-vindos brasileiros", afirmou.

Ao final do vídeo, o candidato do PT afirma que "tem na cabeça" cada coisa que pretende fazer e, sem expor nenhuma delas, confirma seu discurso vazio. Um tipo de promessa de candidato que não deveria mais ter espaço em campanha eleitoral.

Na Live UOL de hoje, falamos também sobre o discurso de Bolsonaro para evangélicos, na Câmara, no qual criticou a "ditadura da pandemia" e - mais uma vez - a carta pela democracia; e sobre os ataques feitos à chapa Tebet-Gabrilli, nas redes sociais.

Ao lado de Felipe Moura Brasil, debato os principais assuntos do país diariamente, das 17h às 18h, com transmissão ao vivo nos perfis do UOL no YouTube, no Facebook e no Twitter.