PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Record TV promove dança das cadeiras no comando do jornalismo

Antonio Guerreiro, vice-presidente de jornalismo da Record - Record TV
Antonio Guerreiro, vice-presidente de jornalismo da Record Imagem: Record TV
Conteúdo exclusivo para assinantes
Mauricio Stycer

Jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 29 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o "Lance!" e a "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Adeus, Controle Remoto" (editora Arquipélago, 2016), "História do Lance! ? Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo? (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011). Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Colunista do UOL

04/01/2022 18h38

O vice-presidente de jornalismo da Record, Antonio Guerreiro, divulgou comunicado interno nesta terça-feira (04) anunciando mudanças nas posições dos principais executivos da área. As dança das cadeiras busca reforçar a área em um ano de eleições presidenciais.

Thiago Contreira, que era diretor de conteúdo de jornalismo, assume agora a diretoria editorial e de projetos especiais, sendo responsável por áreas prioritárias, como o "Jornal da Record", a editoria de política e a de opinião da emissora. Algumas outras funções que tinha, gerenciais e editoriais, foram atribuídas a outros executivos.

Entre as mudanças, há apenas um novo diretor, Rafael Perantunes, que era chefe de redação e passa a ser responsável pela chefia de todos os diretores de jornalismo fora de São Paulo.

Veja abaixo os cargos e atribuições da cúpula do jornalismo da Record:

Thiago Conteira assume a diretoria editorial e de projetos especiais em jornalismo. É responsável pela aplicação da linha editorial da Record em todas as plataformas do Grupo, "definição, execução e supervisão de pautas da editoria de política", bem como "pauta solicitadas" pela vice-presidência de jornalismo e "demais cadeia de comando do grupo", Jornal da Record e a editoria de opinião.

Marcelo Trindade assume a diretoria de planejamento e produção executiva de jornalismo, responsável pela gestão orçamentária da área, planejamento de novos projetos, atendimento aos profissionais etc.

Clóvis Rabelo assume a diretoria de estratégia e conteúdo, responsável pelo supervisão editorial de todos os produtos do jornalismo, exceto os cuidados por Contreira (JR, política e opinião).

Bia Cioffi assume a diretoria de conteúdo digital e transmídia, incluindo o comando do portal R7.

Rafael Perantunes assume a diretoria de apoio em gestão e conteúdo da rede, chefiando todos os diretores de jornalismo de praças próprias da Record e atendimento a afiliadas.

As diretorias de apoio operacional (Luiz Canário) e de criação (Rogério Gallo) seguem com as mesmas atribuições que já tinham. Aline Sordilli segue na assessoria estratégica da vice-presidência de jornalismo.