PUBLICIDADE
Topo

Netanyahu retira pedido de imunidade e será indiciado por corrupção

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo, que publicou aqui o primeiro post no dia 24 de junho de 2006, é colunista da Folha e âncora do programa “O É da Coisa”, na BandNews FM. No UOL, Reinaldo trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Colunista do UOL

28/01/2020 14h57

O premiê israelense, Binyamin Netanyahu, retirou nesta terça-feira (28) um pedido de imunidade que havia feito ao Parlamento israelense. O gesto abre caminho para que ele seja julgado por denúncias de corrupção.

Em novembro, a promotoria comunicou que indiciaria Netanyahu por fraude, abuso de poder e quebra de confiança em três casos. Em janeiro, ele pediu ao Parlamento que lhe desse imunidade até as eleições de 2 de março.

A retirada do pedido de imunidade foi feita uma hora antes do início da sessão marcada pelo Legislativo para debater o assunto. Logo depois, desse anúncio, Netanyahu foi indiciado formalmente pela Procuradoria.(...)

Na Folha.

Reinaldo Azevedo