PUBLICIDADE
Topo

Adriano: Perito contratado pela família diz que não há sinais de tortura

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo, que publicou aqui o primeiro post no dia 24 de junho de 2006, é colunista da Folha e âncora do programa “O É da Coisa”, na BandNews FM. No UOL, Reinaldo trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Colunista do UOL

20/02/2020 23h28

Um perito particular contratado pela família disse que, a princípio, não há indícios externos de tortura no corpo do miliciano Adriano da Nóbrega. Ele passou por uma nova necropsia na tarde desta quinta-feira (20) no Instituto Médico Legal do Rio (IML).

O perito Talvane de Moraes conversou com a GloboNews na saída do exame, que durou cerca de quatro horas e meia, e disse que a análise não é conclusiva, que material foi coletado para exames laboratoriais.

Também observou que o corpo estava embalsamado, o que altera as condições para o exame. Na quarta-feira, o G1 apurou que IML do RJ informou à Justiça que corpo do miliciano Adriano estava apodrecendo.(...)

Leia íntegra no G1.

Reinaldo Azevedo