PUBLICIDADE
Topo

Acordo no TST encerra greve dos petroleiros

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo, que publicou aqui o primeiro post no dia 24 de junho de 2006, é colunista da Folha e âncora do programa “O É da Coisa”, na BandNews FM. No UOL, Reinaldo trata principalmente de política; envereda, quando necessário — e frequentemente é necessário —, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Colunista do UOL

21/02/2020 21h40

Petrobras e petroleiros chegaram a um acordo em reunião mediada pelo TST (Tribunal Superior do Trabalho), e a greve da categoria, que durou 20 dias, será encerrada definitivamente. O movimento custou à Petrobras cerca de R$ 50 milhões.

O acordo mantém as demissões na fábrica de fertilizantes Araucária Nitrogenados, no Paraná, mas segundo a FUP (Federação Única dos Petroleiros) avança em outras questões, como a tabela de turnos e o pagamento de horas extras.

As condições das demissões serão tema de outra reunião de mediação, desta vez entre a Petrobras e o sindicato dos químicos do Paraná.(...)

Leia íntegra na Folha.

Reinaldo Azevedo