PUBLICIDADE
Topo

Reinaldo Azevedo

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Ministério Público do TCU pede apuração de decretos que flexibilizam armas

Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo, que publicou aqui o primeiro post no dia 24 de junho de 2006, é colunista da Folha e âncora do programa "O É da Coisa", na BandNews FM. No UOL, Reinaldo trata principalmente de política; envereda, quando necessário - e frequentemente é necessário -, pela economia e por temas que dizem respeito à cultura e aos costumes. É uma das páginas pessoais mais longevas do país: vai completar 13 anos no dia 24 de junho.

Colunista do UOL

01/03/2021 16h40

O Ministério Público do Tribunal de Contas da União pede que o TCU (Tribunal de Contas da União) adote medidas para apurar se os decretos do governo Jair Bolsonaro (sem partido) que flexibilizaram a compra e uso de armas de fogo não levaram em conta critérios técnicos.

A representação, assinada pelo subprocurador do órgão Lucas Rocha Furtado, foi apresentada nesta segunda (1º). Furtado pede que o TCU apure a ocorrência de desvio de finalidade, "caracterizando flagrante e grave violação" aos princípios administrativos da impessoalidade e da moralidade nos atos adotados pelo governo federal. (...) Leia na íntegra na Folha.