PUBLICIDADE
Topo

Reinaldo Azevedo

STF forma maioria e permite que estados e municípios vetem cultos e missas

08/04/2021 18h58

O STF (Supremo Tribunal Federal) formou maioria para manter a decisão do ministro Gilmar Mendes de permitir que estados e municípios proíbam a realização de celebrações religiosas presenciais como forma de conter o avanço da pandemia da Covid-19.

Com isso, na prática, o plenário da corte derruba a decisão do ministro Kassio Nunes Marques que liberava missas e cultos e afirmava que o veto de governadores e prefeitos a esses eventos era inconstitucional. (...) Leia íntegra na Folha.