PUBLICIDADE
Topo

Reinaldo Azevedo

Justiça do Rio mantém Dr Jairinho, que está preso, na cadeira de vereador

14/04/2021 16h30

A juíza Mirela Erbisti, da 3 Vara de Fazenda Pública do Rio, negou, nesta quarta-feira (14), pedido de suspensão de mandato do vereador Jairo Souza Santos, o Dr Jairinho, na Câmara de Vereadores do Rio.

Ação popular, de autoria da bancada do PSOL, afirma que sua manutenção no cargo fere o decoro. O pedido de afastamento afirma ainda que há fortes indícios de que o vereador matou o enteado, Henry Borel, de 4 anos. (...) Leia íntegra na Folha.