PUBLICIDADE
Topo

Reinaldo Azevedo

Pfizer cobra R$ 1 bilhão mais caro por novas doses de vacina

07/05/2021 17h52

O governo federal avalia comprar mais 100 milhões de doses da vacina contra covid-19 da Pfizer a US$ 12 a unidade - 20% mais caro do que o negociado no primeiro contrato da farmacêutica americana com o Ministério da Saúde, em que foi adquirida quantidade igual do imunizante. Ao todo, a oferta para nova compra fica perto de R$ 6,6 bilhões, cerca de R$ 1 bilhão a mais do que o valor anterior.

As informações sobre o preço global e o valor por dose constam em nota técnica assinada por Laurício Cruz, diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis da pasta, e obtida pelo Estadão. O governo publicou ontem em edição extra do Diário Oficial da União extrato de dispensa de licitação, com valor global de R$ 6,6 bilhões. Na CPI da Covid, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que a pasta estava na "iminência de fechar novo acordo com a Pfizer de cem milhões de doses". (...) Leia íntegra no UOL.