PUBLICIDADE
Topo

UOL Confere

Uma iniciativa do UOL para checagem e esclarecimento de fatos


UOL Confere

Calendário que prevê vacinação de público até os 18 anos em SP é falso

Calendário de vacinação contra a covid-19 que prevê imunização de jovens de 18 anos até agosto é falso - Reprodução
Calendário de vacinação contra a covid-19 que prevê imunização de jovens de 18 anos até agosto é falso Imagem: Reprodução

Juliana Arreguy

Do UOL, em São Paulo

28/05/2021 18h26Atualizada em 28/05/2021 18h48

É falso um calendário que circula no WhatsApp contendo datas de vacinação da população até os 18 anos em São Paulo. Ainda não há previsão oficial para a imunização desta faixa etária contra a covid-19 no estado. Segundo o site Vacina Já, que contém o cronograma oficial do governo estadual, até 17 de agosto há previsão de vacinar o público-alvo entre 45 e 49 anos. Até a tarde desta sexta-feira (28), não havia datas posteriores de imunização.

A mensagem falsa inicia com a frase "acelerou, gente" e se apropria do "Acelera São Paulo", bordão usado pelo governador João Doria (PSDB) em campanhas eleitorais. O conteúdo indica que a imunização de pessoas com 54 anos se iniciaria em 6 de maio. No entanto, há dois dias Doria anunciou que a faixa entre os 45 e 54 anos será vacinada apenas em agosto.

O cronograma falso também apresenta datas organizadas apenas por faixas etárias e ignora pessoas com comorbidades e categorias incluídas na lista prioritária de vacinação, como profissionais da educação.

Nesta sexta-feira (28), o estado iniciou a vacinação para pessoas com deficiência permanente, pacientes de comorbidades que tenham entre 40 e 44 anos e trabalhadores de aeroportos.

Não é a primeira vez que um calendário falso de vacinação circula nas redes sociais e aplicativos de mensagens. Desde o início da imunização contra a covid-19 no país, o UOL Confere já registrou mensagens contendo dados falsos ou mesmo antigos e descontextualizados. Também já foi desmentido um calendário nacional que previa a vacinação de todos os jovens do país até agosto.

Por email, a secretaria de comunicação do governo paulista reiterou que cronogramas falsos são recorrentes: "As fake news sobre falsos calendários de vacinação circulam desde janeiro deste ano, sempre no mesmo formato, com ajustes nas datas conforme o ano avança".

UOL Confere