UOL Notícias Cotidiano
 

25/11/2008 - 22h16

Lula sanciona lei mais rigorosa contra pedofilia na Internet

Juliana Castro
Do UOL Notícias
No Rio de Janeiro
Durante evento em que sancionou uma lei que torna crime o armazenamento de material pornográfico envolvendo crianças ou adolescentes no computador, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que não pode haver hipocrisia para tratar do tema. "É preciso acabar com a hipocrisia religiosa que não permite que temas como este sejam tratados à luz do dia. E isso vale para todas as religiões", afirmou.

"É preciso acabar com a hipocrisia religiosa", diz Lula no Rio de Janeiro



Lula discursou na abertura do 3º Congresso Mundial de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes na noite desta terça-feira (25), na zona oeste do Rio de Janeiro. A nova lei sancionada prevê pena de reclusão de 1 a 4 anos, além de aplicação de multa.

Lula disse que é preciso haver conscientização dos pais, das crianças e dos adolescentes. "O tema não pode ser tratado com nenhuma hipocrisia, os pais no mundo inteiro devem se conscientizar de que a educação sexual em casa é tão importante quanto dar comida", afirmou o presidente, que defendeu ainda o ensino de educação sexual nas escolas.

"É importante que não tratem a questão da exploração sexual como uma questão dos pobres", afirmou. Lula também criticou a falta de programas culturais na TV, citando que nos canais da televisão a cabo, por exemplo, há programação com sexo de manhã, à tarde e à noite. "Quantos programas culturais temos na TV para que as crianças possam ver?", indagou.

O congresso mundial, que tem a primeira-dama Marisa Letícia como presidente de honra, realiza sua terceira edição no Brasil após encontros na Suécia (1996) e no Japão (2001).

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host