Giro UOL traz os destaques da manhã desta segunda, 06/03, para você; ouça

Thomaz Molina

Do UOL, em São Paulo

Alan Marques/Folhapress
Alan Marques/Folhapress

A defesa de Temer

A equipe do presidente Michel Temer decidiu apostar em uma nova estratégia para defender o peemedebista das acusações no processo do TSE que pede a impugnação da chapa na qual ele era vice nas eleições de 2014. Os advogados acreditam que a melhor forma de livrar Temer de uma condenação que pode custar o mandato é tentar provar que ele não pediu dinheiro nem esteve presente em nenhuma negociação de doações para a campanha eleitoral de 2014, encabeçada por Dilma Rousseff.
Compartilhe
Mateus Bonomi/Futura Press/Folhapress
Mateus Bonomi/Futura Press/Folhapress

Foco do presidente

Com a perspectiva de ser alvo de pedidos de inquérito depois das delações premiadas de ex-executivos da Odebrecht, o governo vai tentar fazer avançar a agenda econômica no Congresso e evitar a sensação de paralisia. O presidente Michel Temer pediu esforço extra para que a pauta não pare. Hoje, o TSE vai dar continuidade aos depoimentos sobre o uso de caixa 2 na chapa Dilma-Temer durante a campanha eleitoral de 2014. Claudio Melo Filho, Alexandrino Alencar e Hilberto Mascarenhas, delatores da Odebrecht, devem falar aos ministros.
Compartilhe
Fábio Motta - 2.jul.2016/Estadão Conteúdo
Fábio Motta - 2.jul.2016/Estadão Conteúdo

Lava Jato mira obras viárias

O operador financeiro Adir Assad propôs acordo de delação premiada à Lava Jato no qual admite repasse de R$ 100 milhões para Paulo Vieira de Souza, que foi diretor da concessionária paulista Dersa entre 2007 e 2010, na gestão José Serra (PSDB). De acordo com Assad, ele usava empresas de fachada para lavar recursos de empreiteiras em obras viárias de São Paulo. A defesa de Assad, preso em Curitiba, afirma desconhecer qualquer acordo de colaboração com a PF.
Compartilhe
Getty Images
Getty Images

Última semana de bagagem grátis

Quem for viajar de avião nos próximos meses e quiser manter o direito de despachar bagagem sem custos extras deve comprar a passagem até a próxima segunda-feira (13). É que no dia seguinte (14) entra em vigor a nova resolução da Anac que acaba com a franquia obrigatória de bagagem despachada. Nos bilhetes adquiridos até o dia 13, independentemente da data da viagem, as companhias aéreas são obrigadas a manter a franquia mínima de uma mala de 23 kg nos voos nacionais e duas malas de 32 kg nas viagens internacionais.
Compartilhe
Shizuo Kambayashi/AP Photo
Shizuo Kambayashi/AP Photo

Pressão na Coreia do Norte

O Exército da Coreia do Norte lançou neste domingo (5) quatro mísseis balísticos em direção ao Mar do Japão. O teste contribui para aumentar ainda mais a tensão na península coreana, onde, na semana passada, EUA e Coreia do Sul iniciaram manobras militares. Representantes dos governos norte-americano, sul-coreano e japonês entraram em acordo nesta segunda-feira para reforçar a cooperação entre os países para frear o que consideram provocações do regime de Kim Jong-un.
Compartilhe
Ricardo Matsukawa /UOL
Ricardo Matsukawa /UOL

Fim da folia

Pelo 17º ano consecutivo, o Monobloco fez o tradicional 'arrastão da alegria' com 400 mil pessoas, segundo a Riotur, na manhã deste domingo (05), no centro do Rio, marcando o fim do Carnaval carioca.Homenageando o carnaval de rua e dos blocos, o Monobloco contou com 180 batuqueiros tocando marchinhas antigas, funk, pop, rock, e muito samba no repertório. Em São Paulo, o último dia dos blocos trouxe um revival dos anos 80 e 90 e levou mais de 500 mil pessoas às ruas da capital paulista.
Compartilhe

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos