Giro UOL traz os destaques da manhã desta terça, 07/03, para você; ouça

Thomaz Molina

Do UOL, em São Paulo

Marcelo Camargo/ABr
Marcelo Camargo/ABr

Temer pediu apoio

Em depoimento ao TSE nesta segunda (6), Cláudio Melo Filho, ex-vice-presidente da Odebrecht, reafirmou que o presidente Michel Temer pediu 'apoio financeiro' da empreiteira ao PMDB durante as eleições de 2014. Melo Filho reiterou o teor da delação premiada em que descreveu um jantar ocorrido no Palácio do Jaburu em maio de 2014. Segundo ele, no encontro, Temer, que na época ocupava o cargo de vice-presidente e pleiteava a reeleição, pediu apoio financeiro ao partido, mas não falou em valores. No jantar, além de Temer, estavam Marcelo Odebrecht e Eliseu Padilha, hoje ministro da Casa Civil.
Compartilhe
Lula Marques/Agência PT
Lula Marques/Agência PT

Fogo amigo

Em meio ao esforço de comunicação do Planalto para vender a reforma da Previdência à população, o projeto vai se tornar alvo da própria base de Michel Temer na TV. O Solidariedade, um dos partidos que apoiam o presidente, vai gastar as propagandas do partido em rede nacional para atacar dois pilares do texto: a idade mínima de 65 anos e a exigência de 49 anos de contribuição. A veiculação, em abril, deve coincidir com a votação do relatório na comissão e com as discussões em plenário.
Compartilhe
Xinhua/Ernani Ogata/Codigo19/AGENCIA ESTADO
Xinhua/Ernani Ogata/Codigo19/AGENCIA ESTADO

#fim

O inquérito da operação Hashtag, que investiga suspeitas de terrorismo no Brasil, foi concluído. Na última fase, a Polícia Federal indiciou mais oito pessoas. Os envolvidos podem responder por crimes de associação criminosa e promoção de organização terrorista. A primeira fase da Hashtag começou em julho do ano passado, semanas antes das Olimpíadas do Rio. Na ocasião, dez suspeitos foram presos. No total, a operação cumpriu 74 mandados judiciais, sendo 40 de prisões temporárias.
Compartilhe
Dida Sampaio/Estadão Conteúdo
Dida Sampaio/Estadão Conteúdo

Lideranças definidas

A Secretaria de Comunicação da Presidência da República confirmou que Michel Temer indicou o deputado André Moura (PSC) para a liderança do governo no Congresso. O cargo era tradicionalmente ocupado por um senador há seis anos. Falando em senador, Romero Jucá (PMDB) foi o eleito de Temer para liderar o governo no Senado. Jucá era líder do governo no Congresso, mas foi chamado para substituir Aloysio Nunes, escolhido para ser ministro das Relações Exteriores.
Compartilhe
Edison Timoteo/Futura Press/Estadão Conteúdo
Edison Timoteo/Futura Press/Estadão Conteúdo

O primeiro suspeito

A Polícia Civil de São Paulo já tem um primeiro suspeito de ter participado do assassinato de Moacir Bianchi, fundador da Mancha Alvi Verde. Ele seria um integrante da torcida organizada que teria discutido com Bianchi na quarta-feira (1º), horas antes da emboscada que o vitimou. Com isso, ganha força a linha de investigação da Polícia que vê o assassinato como consequência das brigas internas da organizada. Outra possibilidade investigada é a de um acerto de contas envolvendo a vida empresarial de Bianchi, ligada a bares e casas noturnas.
Compartilhe
Itsuo Inouye/AP
Itsuo Inouye/AP

Coreia do Norte fechada

A Coreia do Norte anunciou hoje a proibição a todos os malaios de deixar o país até que o caso do assassinato de Kim Jong-nam, irmão do líder norte-coreano Kim Jong-un, em Kuala Lumpur, seja 'devidamente resolvido'. O anúncio acontece no dia seguinte que Pyongyang declarou como 'persona non grata' o embaixador malaio na Coreia do Norte, Mohamad Nizan Mohamad, em represália pela expulsão do embaixador na Malásia, ordenada por Kuala Lumpur no último sábado, depois de críticas à investigação pelo assassinato de Kim Jong-nam.
Compartilhe
Adriano Vizoni/Folhapress
Adriano Vizoni/Folhapress

Futebol para todos os gostos

Dois jogos definem hoje os primeiros classificados para as quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. A partir das 16h45, na Itália, o Napoli busca reverter a vantagem do Real Madrid, que venceu o jogo de ida por 3 a 1. Já na Inglaterra, o Arsenal precisa de um milagre para descontar a vantagem de 5 a 1 construída pelo Bayern no primeiro jogo. E dois times brasileiros estreiam hoje pela fase de grupos da Libertadores. O Atlético-PR recebe a Universidad Católica, do Chile, às 21h. Um pouco mais tarde, às 21h45, a Chapecoense vai à Venezuela enfrentar o Zulia. Você acompanha esses jogaços ao vivo a partir das 16h45 pelo aplicativo Placar UOL ou pelo site uol.com.br.
Compartilhe

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos