Estátua de Drummond no Rio receberá óculos pela quinta vez

Agência JB

A estátua do poeta Carlos Drummond de Andrade (1902-1987), na orla de Copacabana, receberá pela quinta vez, na manhã desta segunda-feira, os óculos furtados em maio deste ano.

A estátua foi adotada oficialmente pela empresa Essilor, fabricante de lentes para óculos. O termo de adoção, com validade de dois anos, foi assinado na sede da Fundação Parques e Jardins, no Campo de Santana, Centro.

Instalada em 2001 no calçadão da Praia de Copacabana e próximo à esquina das avenidas Atlântica e Rainha Elizabeth, a estátua de Drummond tem sido alvo de vandalismo e sucessivos furtos dos óculos, que eram uma característica do poeta.

O Monumento é feito de bronze, em tamanho natural, e reproduz a figura de Drummond sentado, de costas para o mar, num dos bancos do calçadão de Copacabana. A peça está no trecho da Avenida Atlântica na altura do Posto 6, próximo à Avenida Rainha Elizabeth, local preferido do poeta em seus passeios de fim de tarde. No banco que serve de base para a estátua, está esculpida a frase: "No mar estava escrita uma cidade". No dia 17 foi lembrado o 21º aniversário da morte de Drummond.

O subsecretário da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, David Lessa, e o presidente da Essilor para o Brasil e América Latina, Thomas Bayer.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos