Bancários fazem paralisação de 24 horas em São Paulo

Flávia Albuquerque
Da Agência Brasil
Em São Paulo

Os bancários das cidades de São Paulo e Osasco iniciaram hoje (30) uma paralisação de 24 horas para pressionar a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) a reabrir as negociações com os funcionários. Os bancários rejeitaram a proposta de reajuste de 7,5% oferecida pelos bancos e pedem um aumento real de 5%.

Segundo a assessoria de imprensa do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, as agências estão fechadas e funcionam apenas os serviços de auto-atendimento. Ainda não há um balanço sobre o número de agências fechadas e funcionários parados.

De acordo com informações da assessoria, caso a Fenaban não aceite reabrir as negociações, há possibilidades de que seja realizada uma greve por tempo indeterminado a partir do dia 8 de outubro. As mobilizações fazem parte da Campanha Nacional 2008.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos