Governo do RS gasta mais de R$ 200 mil em motos Harley-Davidson para a polícia

Flávio Ilha
Especial para o UOL Notícias
Em Porto Alegre

Dez motos Harley-Davidson, avaliadas em R$ 21 mil cada uma, foram entregues hoje (13) pela governadora Yeda Crusius (PSDB) ao Comando Rodoviário da Brigada Militar para patrulhamento nas estradas gaúchas.

As motos são do modelo FLHTP Police, de uso exclusivo das polícias. Os veículos, os mesmos comprados para o Pan do Rio de Janeiro em 2007, têm 1.687 cilindradas, autonomia de 300 quilômetros e pesam quase meia tonelada. Segundo o comando rodoviário da Brigada Militar, 18 soldados do pelotão de motos ficaram uma semana realizando curso de atualização para conduzir as motos.

  • Fernando Gomes/Agência RBS

    Governo do RS gasta mais de R$ 200 mil em motos Harley-Davidson

Os veículos, entretanto, não serão utilizados em operações ostensivas de combate ao crime. A preferência de uso, nesse caso, será para escolta e controle de tráfego em grandes eventos.

No caso de patrulhamento rodoviário, a Brigada Militar utiliza motos de 500 a mil cilindradas em função da agilidade e do custo de manutenção. Um veículo de patrulhamento com essas características chega a custar um terço de uma Harley, cerca de R$ 7 mil. Vale ressaltar que estes preços não são os praticados pelo mercado, pois se referem a licitações públicas.

A governadora salientou, na solenidade de entrega do novo aparato de segurança, que desde 1995 o Estado não adquiria motos potentes que garantam a qualificação das operações policiais. Além das motos, quatro viaturas Ford Focus, discretas (sem pintura), foram entregues ao Comando Rodoviário. As unidades custaram R$ 60 mil cada.

Agente de trânsito leva nove infrações em menos de dez minutos no Rio Grande do Sul

A bordo de um Honda Civic particular, o agente de trânsito André Rolim Félix ignorou vários avisos da PRF (Polícia Rodoviária Federal) para parar e protagonizou 10 minutos de perseguição entre a Freeway (BR-290) e o centro de Porto Alegre no final da tarde de domingo (12). Em um trecho de 15 quilômetros, o 'azulzinho' foi autuado nove vezes, infrações que acumularam mais de R$ 2.000 em multas e mais de 20 pontos na carteira de habilitação.

O governo do Estado investiu R$ 450 mil na aquisição dos veículos através de convênio entre a Brigada Militar e o Daer (Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem). As motos se juntam ao contingente de oito veículos utilizados pelo Comando Militar em operações rodoviárias. A governadora disse que o investimento foi possível porque houve um crescimento de 23% na receita do ICMS em 2008.

As viaturas discretas atuarão nas estradas e também darão suporte às ações de inteligência. De acordo com o comandante-geral da BM, coronel Paulo Mendes, os veículos são estratégicos para combater o tráfico de drogas e o contrabando - grande parte desses crimes, segundo ele, é praticada por estradas estaduais. O coronel disse que o investimento é "fonte de energia" para os policiais. "Nossa retribuição será dada com trabalho e dedicação", afirmou.

Adquiridas por pregão eletrônico, as motos seguiram direto do Palácio Piratini, sede do governo estadual, para a Oktoberfest da cidade de Igrejinha, distante 82 quilômetros de Porto Alegre.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos