No Rio, servidores fazem manifestação e ofendem o governador

Do UOL Notícias
No Rio de Janeiro

Cerca de 300 servidores públicos fizeram uma passeata no centro do Rio de Janeiro na tarde desta terça-feira (14). Carregando faixas e com um carro de som, eles lançaram gritos de hostilidade ao governador Sérgio Cabral. "Depois de quatro anos de Rosinha, vem o Serginho para pegar no nosso pé. Arerê, Cabral vagabundo é você", cantaram os manifestantes.

No dia 22 de setembro, Sérgio Cabral chamou de "vagabundos" e "safados" seis médicos do Hospital Estadual Getúlio Vargas que faltaram ao plantão no dia anterior. Na ocasião, quando fazia a inauguração de uma UPA (Unidade de Pronto-Atendimento), o governador lamentou que houvesse profissionais sem compromisso com a população no Estado.

O Cremerj (Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro) abriu sindicância para analisar o caso. Segundo o 1º Secretário da instituição, Pablo Vazquez Queimadelos, se a culpa for do governador, serão solicitadas providências ao MP (Ministério Público).

*Com informações da Folha Online

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos