Bancários de Curitiba e região continuam em greve pelo menos até amanhã

Lúcia Norcio
Da Agência Brasil
Em Curitiba

Os bancários de Curitiba e região continuam em greve pelo menos até amanhã (16), quando será realizada assembléia, às 17h30. Na ocasião, a categoria vai avaliar os resultados da nova rodada de negociação com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), também agendada para amanhã, às 10h.

No dia 24 de setembro, a Fenaban propôs um reajuste de 7,5%, que significa, segundo o sindicato que representa a categoria, apenas 0,3% de ganho real. A proposta foi rejeitada em assembléias realizadas em todo o país.

Segundo levantamento realizado pelo sindicato paranaense, 233 agências estão sem expediente - 46 da Caixa Econômica Federal, 54 do Banco do Brasil e 133 de bancos privados. Além disso, 12 centros administrativos permaneceram fechados ontem (14).

O sindicato estima que 14,6 mil bancários aderiram à greve em Curitiba e região. Nas cidades com sindicatos filiados à Central Única dos Trabalhadores (CUT) - Apucarana, Arapoti, Campo Mourão, Cornélio Procópio, Londrina, Guarapuava, Paranavaí, Toledo e Umuarama - 215 agências ficaram fechadas.

No total, há 448 agências e 12 centros administrativos sem atendimento no estado e 18,3 mil bancários paralisaram os serviços.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos