Fiocruz inaugura em Moçambique primeira unidade fora do Brasil

Da Agência Brasil
Brasília

A primeira unidade da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em território estrangeiro será inaugurada na manhã desta segunda-feira (17) em Moçambique, com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e do ministro da Saúde, José Gomes Temporão.

O escritório da Fiocruz funcionará nas dependências do Centro Cultural Brasil-Moçambique e dará suporte à implantação da fábrica de anti-retrovirais utilizados no tratamento da aids, segundo informações do Ministério da Saúde.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgados pelo ministério indicam que mais de 670 mil crianças de Moçambique perderam seus pais por causa da doença. Apenas 5,7% das pessoas que precisam de tratamento naquele país estão recebendo a ajuda necessária.

Para viabilizar a implantação da fábrica de anti-retrovirais, o governo brasileiro liberou R$ 13,6 milhões em equipamentos, obras de adequação do espaço físico e aquisição de equipamentos e insumos, de acordo com o Ministério da Saúde.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos