Operação prende suspeitos de fraudar hospitais públicos em São Paulo

Da Agência Brasil
Em São Paulo

Uma ação conjunta do Ministério Público Estadual , Polícia Civil e Secretaria da Fazenda, chamada Operação Parasitas, prendeu nesta quinta-feira (30) cinco pessoas suspeitas de fraudar em R$ 60 milhões licitações para vendas de equipamentos a hospitais públicos do Estado de São Paulo.

Polícia Federal faz operação de combate à fraude em agências dos Correios

A PF realiza nesta quinta a operação Déja Vu para combater fraudes em agências franqueadas dos Correios. Foram expedidos 43 mandados de busca e apreensão e 19 de prisões temporárias em quatro Estados e no Distrito Federal

Também foram apreendidos vários veículos e um helicóptero. As contas bancárias dos suspeitos foram bloqueadas.

De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério Público Estadual, entre as instituições envolvidas estão o Hospital das Clínicas, maior centro de saúde pública da América Latina, e o Pérola Byington.

Além dos cinco mandados de prisão já cumpridos, foram expedidos mais de 20 mandados de busca e apreensão. A operação deve durar até o começo da tarde.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos