Cinco agentes penitenciários são mantidos reféns no presídio de Serrinha (BA)

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Atualizada às 19h

Cinco funcionários do Presídio Estadual de Segurança Máxima de Serrinha (BA) são mantidos reféns por três detentos desde 10h desta sexta-feira (14). As informações são do jornal "A Tarde".

Seis funcionários foram dominados no refeitório após uma tentativa fracassada de fuga, realizada durante o horário de visitação. Um dos funcionários foi liberado pelos presos, que reivindicam a transferência para outro presídio, alegando que não pertencem à Comarca de Serrinha.

É a segunda vez nesse ano que uma tentativa de fuga resulta em seqüestro de funcionário no presídio de Serrinha, que foi inaugurado em 2006 e tem capacidade para 476 detentos. De acordo com a diretoria, 472 presos estão sob custódia na penitenciária.

Todos os agentes que estavam de folga foram convocados para trabalhar. Visitas e saídas das celas foram suspensas. Jeová Borges, tenente coronel da Polícia Militar, está a frente da operação e não acredita que uma rebelião será deflagrada. Neste momento a direção do presídio está em negociação com os presos. Segundo a administração da penitenciária, a situação está sob controle.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos