Tiroteio entre traficantes deixa seis mortos em favela do Rio de Janeiro

Do UOL Notícias
Em São Paulo*

O 6º Batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro informou que mais duas pessoas foram encontradas mortas com perfurações por arma de fogo depois do intenso tiroteiro que aconteceu na manhã deste sábado no Morro dos Macacos, em Vila Isabel. Com isso, sobe para seis o número de mortos no confronto entre traficantes na favela da zona norte do Rio.

PMs são suspeitos de obrigar estudante a beber lança-perfume na zona leste de SP

Seis policiais militares que atuam em Itaquera (zona leste) são suspeitos de, durante abordagem, terem obrigado um estudante de 18 anos a beber lança-perfume. O rapaz morreu.


Os dois corpos ainda não foram identificados, mas a polícia diz que são de bandidos. Outras quatro pessoas morreram e quatro ficaram feridas no tiroteio. Bandidos que tentaram fugir do confronto roubaram dois carros na na Rua São Francisco Xavier, na Tijuca, mas perderam a direção bateram em um poste.

O tiroteio, segundo informações da polícia, ocorreu porque bandidos de uma facção rival, do Morro de São João, no Engenho Novo, bairro próximo, tentaram invadir a favela no início da manhã.

A polícia apreendeu uma pistola, um aparelho de rádio para comunicação e munição. Durante o tiroteio, granadas foram lançadas, o que apavorou os moradores da comunidade e dos bairros adjacentes.

Uma senhora foi baleada no rosto durante o tiroteio e morreu no hospital. Identificada como Creusa, a idosa de 70 anos foi socorrida no Hospital de Andaraí, mas não resistiu ao ferimento.

De acordo com a assessoria de imprensa do hospital, os outros feridos no confronto são: Leonardo Ferreira de Andrade, de 20 anos, atingido no antebraço; Alessandro Godinho de Oliveira, de 16 anos, que levou um tiro de raspão na região glútea; Luis Rodrigo de Souza, de 14 anos, baleado de raspão na coxa esquerda; e Phillip Henrique Leal Bastos, de 24 anos, que é ainda mantido em observação por ter sido baleado na virilha.

Outras três pessoas que foram baleadas não foram identificadas e já chegaram sem vida ao hospital.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos