ANP vai perfurar poços para conhecer melhor as bacias terrestres

Thais Leitão
Da Agência Brasil
No Rio de Janeiro (RJ)

A diretora da ANP (Agência Nacional do Petróleo) Magda Chambriard anunciou hoje (17), no Rio de Janeiro, que serão investidos R$ 1 bilhão nos próximos cinco anos em atividades que incluem a realização de levantamentos geológicos para investigar de maneira mais aprofundada as bacias terrestres do país.

Para isso, a agência prevê também perfurar, pela primeira vez, poços chamados estratigráficos (sem objetivo de descobrir jazida de petróleo ou gás, apenas para conhecer a distribuição das camadas de rocha no subsolo e estudar a capacidade de geração e de armazenamento da bacia).

"Essa é a primeira vez em que a ANP vai perfurar poços. Com isso, a gente resolve uma questão de confirmação de sistema petrolífero em diversas bacias dentre elas a do Parnaíba e também a margem equatorial brasileira", disse a diretora, ao informar que os dois primeiros poços serão perfurados no próximo ano na Bacia do Parnaíba, no Piauí, e em São Luiz, no Maranhão.

Magda Chambriard participou na manhã de hoje (17) da abertura do 12º Congresso Brasileiro de Energia, organizado pela Coordenação dos Programas de Pós-graduação de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ).

Realizado até a próxima quarta-feira (19), o evento é considerado o mais importante fórum do setor energético brasileiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos