Mais de 17 mil pessoas perderam suas casas em Campos, diz Defesa Civil

Do UOL Notícias
No Rio de Janeiro

A Defesa Civil Municipal de Campos dos Goytacazes, no norte fluminense, divulgou que até esta quinta-feira (4) 17.203 pessoas perderam suas casas em conseqüência das fortes chuvas que atingiram o Estado do Rio de Janeiro.

No fim da tarde de hoje, um dique construído de forma irregular no rio Ururaí foi implodido por uma empresa especializada contratada pela Serla (Superintendência Estadual de rios e Lagoas) com o apoio da Secretaria de Saúde e da Defesa Civil do Rio de Janeiro.

Segundo a assessoria da secretaria, os fazendeiros ergueram o dique para ampliar o domínio de suas propriedades. Com a operação, que durou cerca de dez horas, pretende-se aumentar o escoamento da água e diminuir os níveis dos rios na região. Outro dique, também irregular, deve ser destruído nesta sexta-feira (5).

Até a tarde de ontem, o número de afetados pelas chuvas no Estado do Rio de Janeiro chegou a 484.405. Desse total, 7.359 pessoas estão desalojadas e 2.722 desabrigadas. Campos continua sendo a cidade mais atingida.

Segundo a meteorologia, a previsão é de sol em todo o Estado na próxima sexta e sábado. As madrugadas serão de frio na região Serrana.

Ministério da Saúde envia medicamentos
As pessoas que foram atingidas pelas chuvas no Estado poderão contar com medicamentos enviados pelo Ministério da Saúde que chegaram no Aeroporto Internacional Tom Jobim nesta quinta. O Estado recebeu 30 kits com capacidade para atender cerca de 12 mil pessoas durante três meses.

Serão disponibilizados antibióticos, antiinflamatórios, antitérmicos e antihipertensivos para os cuidados em casos de doenças como leptospirose, hepatite, diarréia e problemas relacionados à má qualidade da água. Também foram enviados curativos, luvas, máscaras, agulhas e seringas.

Entre os municípios que serão ajudados estão Barra do Piraí, Paracambi, Belford Roxo, Mendes, Petrópolis, Volta Redonda, São João de Meriti, Macaé, Rio das Ostras, Guapimirim, Mendes, Campos dos Goytacazes, Carapebeus, Vassouras, Casimiro de Abreu, Três Rios, Paraíba do Sul, Itaocara, São Fidélis, Cambuci, Sapucaia, Rio Bonito e Saquarema.

Torcedores poderão ajudar as vítimas
Neste domingo (7), os torcedores que forem ao Maracanã assistir à partida entre Fluminense e Ipatinga poderão ajudar os moradores de Campos. A Suderj (Superintendência de Desportos do Estado do Rio de Janeiro) e a Defesa Civil vão arrecadar água e alimentos não perecíveis para serem levados à cidade.

As doações devem ser feitas nas roletas de acesso ao estádio, onde haverá um bombeiro responsável pelo recolhimento. Mesmo aqueles que não forem acompanhar o jogo podem colaborar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos