Quartiero diz que demarcação contínua da Raposa inviabiliza economia de Roraima

Amanda Cieglinski
Da Agência Brasil
Em Brasília (DF)

O líder dos arrozeiros e prefeito do município de Pacaraima (RR), Paulo César Quartiero, afirmou que a manutenção da demarcação contínua da Terra Indígena Raposa Serra do Sol significaria o fim do estado de Roraima.

"É um contra-senso diante dessa crise internacional muito séria pensar em uma demarcação que inviabilize a produção econômica do estado", disse Quartiero, ao chegar ao Supremo Tribunal Federal (STF) para assistir ao julgamento da constitucionalidade da demarcação contínua da reserva, retomado hoje (10).

A expectativa dele é que os demais ministros do Supremo acompanhem o voto do relator, Carlos Ayres Britto, que em agosto deste ano se posicionou a favor da demarcação contínua, com a saída de todos os não-índios da terra indígena.

O prefeito de Pacaraima disse esperar que o STF "faça justiça e tenha misericórdia de Roraima e de seu povo".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos