Norte e Sul são as regiões com maior porcentagem de municípios com favelas, diz IBGE

Do UOL Notícias
Em São Paulo

As regiões Norte e Sul (41,0%) apresentam as proporções mais elevadas de ocorrência de favelas, seguidas pelo Nordeste (32,7%), Sudeste (29,7%) e Centro-Oeste (19,5%), de acordo com o levantamento feito pela sétima

Região Sudeste tem o menor percentual de municípios com programas de habitação, diz IBGE

A proporção de prefeituras da região Sudeste que informou ter executado, nos últimos dois anos, alguma ação ou programa no setor de habitação, foi de 70,6%. O número é baixo se comparado à média do país: 80,2% das prefeituras.

edição da Pesquisa de Informações Municipais (Munic) que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) divulgou nesta sexta-feira.

Segundo o IBGE, um terço dos 5.564 municípios brasileiros declarou presença de favelas, mocambos, palafitas ou assemelhados dentro de seu território, sendo que a incidência de favelas é maior nos municípios em que a população é maior. O percentual de municípios que relataram existência de favelas salta de 27,7%, naqueles com até 50 mil habitantes, para 70,8% dos 319 que têm entre 50 mil e 100 mil habitantes, chegando a 84,7% dos 229 municípios com entre 100 e 500 mil habitantes. Dos 37 municípios com população acima de 500 mil habitantes, só Cuiabá informou a inexistência de favelas.

Os loteamentos irregulares ou clandestinos estão presentes em mais da metade dos municípios (53,2%), enquanto 25,1% declararam presença de casa

Mais de 90% dos municípios brasileiros enfrentam problemas ambientais

Mais de 90% dos municípios brasileiros (ou 5.040 deles) sofrem algum problema ambiental, sendo que as incidências mais citadas são queimadas, desmatamento e assoreamento de corpos d'água.

de cômodos. O problema dos loteamentos irregulares é mais incidente nas regiões Sul (62,4%) e Sudeste (59,0%), seguido pela região Norte (57,9%), Centro-Oeste (47,9%) e Nordeste (41,9%).

A pesquisa do IBGE também constatou que mais de 80,0% dos municípios do país possuíam, em 2008, cadastro das famílias interessadas em programas habitacionais. Esse percentual vem crescendo em todas as regiões brasileiras desde que o IBGE começou a fazer esse levantamento, em 2001. Naquela ocasião, o percentual de municípios que declarou ter cadastro dessa demanda era de 56,2%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos