Câmeras de museu podem ajudar a esclarecer morte de remadora no Rio

Da Agência JB

O delegado da 15ª DP (Gávea), Gustavo Valentini, afirmou na tarde desta terça-feira (16) que pedirá as imagens registradas pelas câmeras do Museu da Cidade, na Gávea, que poderão esclarecer o crime que matou a remadora do Flamengo Priscila da Silva Souza, de 26 anos. Durante a madrugada e a manhã de hoje, um homem em atitude suspeita foi visto circulando pelo local onde o corpo foi achado. O delegado acredita que Priscila tenha sido estuprada e agredida até a morte.

O corpo da remadora, desaparecida desde sábado, foi encontrado na manhã desta terça pelo tio de Priscila e guardas municipais, que ajudavam nas buscas. O corpo da vítima foi encontrado nu, com a roupa da equipe de remo ao lado, já em estado de decomposição e com o rosto totalmente desfigurado.

"Tudo indica que se trata de estupro", afirmou o delegado Valentini. "Esperamos que as câmeras do Museu da Cidade possam nos mostrar alguma coisa."

Moradores da comunidade disseram ter ouvido gritos de uma mulher no fim da tarde de sábado, no mesmo horário em que a remadora deixou o treino em direção a sua casa, na comunidade Parque da Cidade, na Gávea. Fátima Vasconcelos dos Santos, moradora da comunidade, afirmou ter visto um homem em atitude suspeita circulando pelo local durante a madrugada e a manhã desta terça.

"Por volta das duas da madrugada, um homem circulava pelo local dizendo procurar por seu cachorro. Às 6h, o mesmo homem estava novamente na região e afirmou, dessa vez, que procurava pelo celular", contou Fátima.

A mãe de Priscila, Ilca Maria Gomes da Silva, presta depoimento no 15º DP. O corpo da vítima ainda será removido para o IML (Instituto Médico-Legal).

Marcio Braga, presidente do Clube de Regatas do Flamengo, decretou luto oficial de três dias. Em nota, o clube esclarece que a causa da morte ainda não foi divulgada pelo IML, mas tudo indica que Priscila foi vítima de violência sexual seguida de morte.

Segundo o técnico Marcos Amorim, Priscila, uma remadora de grande potencial, estava sendo preparada para estrear na primeira Regata do Estadual de Remo 2009, no barco Four Skiff Feminino-Estreante.

O departamento de Remo do C.R.F cancelou as atividades dos atletas e está tomando todas as providências para o funeral.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos