PRF prende 11 pessoas em comércio irregular de calotas na Grande São Paulo

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Um total de 11 pessoas foi preso nesta terça-feira (16) durante uma operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para combater a venda de calotas irregulares no km 90 da rodovia Fernão Dias, na altura de Guarulhos, Grande São Paulo. A ação ocorreu a pedido do Ministério Público de São Paulo, que já investigava o caso. Quatro carros e cerca de 3.500 calotas foram apreendidas. Dois dos veículos tinham queixa de furto. A operação começou por volta de 8h30.

Dos 11 presos, dois já tinham mandados de prisão pendentes; um por homicídio e outro por queixa de furto. Outras duas pessoas foram presas por desacato.

Segundo o chefe de Comunicação Social da PRF, Edson Varanda, já existia denúncias de que calotas furtadas eram colocadas à venda no local. Além disso, o comércio era feito em local inadequado, aumentando os riscos de acidentes na via.

Há também registros de motoristas que pararam no km 90 da rodovia, sentido Minas Gerais, para comprar calotas e foram assaltados no local. No entanto, não há nada que ligue estes casos ao comércio irregular, afirmou Varanda.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos