Defesa Civil de Campos-RJ alerta para perigo de cheia do rio Paraíba do Sul

Juliana Castro
Do UOL Notícias
No Rio de Janeiro

A chuva não dá trégua em Campos dos Goytacazes, no norte Fluminense. Depois que o rio Ururaí transbordou no início de dezembro deixando aproximadamente 14 mil desabrigados e desalojados, a preocupação da Defesa Civil Municipal é a elevação do nível das águas no rio Paraíba do Sul, que subiu dois metros em 24h.

Segundo o comandante da Defesa Civil de Campos, Henrique Oliveira, se o nível do rio continuar subindo, poderá causar mais estragos. "Qualquer enchente do rio Paraíba do Sul, se for grande, vai ser pior que uma enchente do rio Ururaí porque este corta um único bairro. O Paraíba do Sul corta praticamente toda a cidade de Campos", disse.

Oliveira explicou que o nível do rio subiu 20 cm em duas horas e atingiu, durante a manhã desta quarta-feira, 8,90 m. "Até 9,30 m não prejudica", explicou Oliveira, dizendo que se este nível for ultrapassado, começam os problemas.

No mesmo período do ano passado, o rio Paraíba atingiu 11,64 m e, de acordo com Oliveira, foi a maior enchente que Campos já enfrentou e o prejuízo chegou a R$ 800 milhões para a cidade.

"Vamos ter que retirar muitas famílias que se encontram em áreas ribeirinhas e levar para abrigos", explicou o comandante sobre a providência que será tomada caso o nível das águas do rio não pare de subir.

De acordo com o comandante, 1.500 pessoas continuam desabrigadas e 500 casas seguem inundadas, principalmente nas regiões de Ururaí e Ponta Grossa. A previsão é de chuvas em Campos até o fim de semana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos